Curta a nossa página!

sexta-feira, 4 de abril de 2014

PASSO A PASSO PONTEIRA OVELHA / PÁSCOA.

 Olha ai gente um passo a passo simples para fazer uma ponteirinha de eva com o tema de Páscoa / Ovelha. Espero que gostem, os créditos estão na foto. bjs. fiquem com Deus. Joelma Couto.



O primeiro passo é desenhar com o molde no E.V.A.


Colaremos as partes da ovelha como na imagem acima.



Os detalhes do rosto foram feitos com pincel para retroprojetor na cor preto.


MOLDE


A fita decorativa (era a que eu tinha) pode ser substituída pela fita de tecido; a mesma é colada na metade de baixo da parte que segura o lápis - a outra metade cola a cabeça da ovelha. 
O laço é feito na frente.
Maquiagem nas bochechas e pronto.

 (FONTE E CRÉDITOS NAS IMAGENS)

LIVRO A OVELHA ROSA DA DONA ROSA COM SUGESTÕES DE ATIVIDADES E MODELOS DE LEMBRANCINHAS PARA PÁSCOA.

 Trabalhando as diferenças
Despertar o interesse pela leitura e interpretação;
* Proporcionar na criança a capacidade de ler e entender as mensagens que cada leitura oferece;
* Desenvolver o senso crítico e trabalhar os valores;
* Incentivar por meio da “Contação de Histórias” leitura fluente, crítica, descontraída e consequentemente a produção do conhecimento;
* Fazer com que a criança compreenda como se processa uma leitura silenciosa, coletiva e dramatizada. 
Ler para a turma como forma de desibinição, capacidade de desenvolver a oralidade e autoestima.

Somos todos importantes e todos nós temos características próprias que devem ser respeitadas.

Este livro incentiva-nos a viver em harmonia com todas as pessoas independentemente das diferenças.
“A ovelha rosa da dona Rosa” enfatiza a história de uma ovelhinha que após cair em uma lata de tinta fica toda rosa e por essa razão, fica desprezada e excluída pelos animais da fazenda.

 Um dia uma galinha, percebendo a tristeza da ovelha resolveu pintar-se de rosa para brincar com a ovelhinha, vendo o que a galinha havia feito os outros animais resolveram imitá-la e também pintar-se de rosa, até o dia em que choveu e os outros animais voltaram a ser como antes, menos a ovelhinha, porém eles perceberam que …………..
Este é o começo da história de Donaldo Buchweitz.
A história além de divertida, leva a criança a refletir sobre a necessidade do respeito às diferenças e a vida em harmonia.
A interatividade das crianças foi surpreendente.
 Foi um momento maravilhoso, pois os alunos puderam refletir e dialogar sobre as formas de respeitar as diferenças e acolher a todos com amor.
(FONTE linguagem e afins...)



















































MOLDE E MODELO MÁSCARA DE OVELHA / FONTE: TIA ALÊ.http://blogtiale.blogspot.com.br/2011/01/mascara-ovelha-de-eva-molde-e-modelo.html











MODELOS DE LEMBRANCINHA PONTEIRA OVELHA... 
ESSA É EM 3D, FOI FEITA COM UMA BOLA DE ISOPOR
FICA A SUGESTÃO PARA QUEM JÁ TEM HABILIDADE EM MODELADOS... 
FONTE: NAS IMAGENS.




Como trabalhar diversidade no educação infantil?
O tema do post é desafiador. Alguns que talvez não conheçam bem a educação infantil podem afirmar que a criança é inocente e não tem preconceito em relação as diversidades. Não e sim. Não realmente porque as crianças não nascem preconceituosas, mas sim porque elas reproduzem o que elas vivenciam e sem reflexão o que torna natural o preconceito de gênero e etnia, por exemplo.
Já tive alunos de quatro anos que se recusaram a brincar com outros por causa da cor de pele, ou ainda se recusaram a usar algum objeto rosa porque  está cor é referência ao sexo feminino, inclusive o menino que não se importasse com isso e aceitasse brincar com o objeto era ridicularizado pelos outros garotos. (Lembrando que são crianças de 3 a 4 anos!!!)
Portanto, crianças podem ser preconceituosas sim senão dermos a devida atenção ao assunto.
Mas como trabalhar um tema tão delicado com crianças tão pequenas?
Visando isso, daremos o exemplo de uma peça de teatro adaptada do livro A ovelha Rosa de Dona Rosa de Donald Buchweitz.
A história é como o nome diz sobre dona Rosa e sua ovelha que depois de um acidente se torna rosa o que que lhe gera muito transtorno, pois ela não queria ser daquele cor. 
Para encenar pode-se usar fantoches, dedoches ou dependendo da idade as próprias crianças.


Peça período da tarde: A Ovelha Rosa da Dona Rosa

DONA ROSA: Boa tarde, crianças!!! Tudo bem com vocês? Eu sou a a Dona Rosa. Eu ano a cor rosa? Não é a cor mais linda do mundo? E vou-lhes contar um segredo, sabe qual é o animal que eu mais gosto? Não conte pra ninguém, ta? È o porquinho. Adivinhem o porquê? Porque ele é rosa!
ENTRA OVELHA
DONA ROSA: Olham lá, a minha ovelhinha que linda! Pena que é branca.
OVELHA: Bééé, bééé. Bom dia Dona Rosa!!!
DONA ROSA: Bom dia, querida! Vou entrar, pois deixei um bolo no forno. Tome cuidado com aquela lata de tinta. Ela é especial, comprei pra pintar as cercas. E ela não sai nem com água.
SAI DONA ROSA
OVELHA: Velhinha maluca!! Bééé.
OVELHA DANÇA E CORRE DERRUBANDO A LATA EM CIMA DE SI.(JOGAR PAPEL PICADO ROSA NAS CRIANÇAS)- MÚSICA: Piruetas- Chico Buarque
OVELHA: Bééé, socorro!!! Estou rosa! Estou rosa! Preciso de um banho urgente!
OVELHA TOMA BANHO (BORRIFAR ÁGUA NAS CRIANÇAS) – MÚSICA CASTELO RATIMBUM- MÃO
OVELHA: Meu Deus! Não sai! Não sai! Bééé!!
OVELHA CHORA E ENTRA UM PATO (AMARELO)
PATO: QUAC, QUAC. Poxa uma ovelha rosa! E ela está chorando! Coitada! O que foi?
OVELHA: Cai na tinta especial e ela não sai. Nunca mais terei amigos!!!
PATO: Você tomou banho direito? Por que vocês animais da terra não sabem tomar banho direito!
OVELHA: Eu tomei, não foi crianças?
PATO: Espera ai, tenho uma ideia!
PATO SAI E VOLTA ROSA COM UMA GALINHA, UM PORCO E SAPO (TODOS ROSA)
GALINHA: Olha ovelhinha! Estamos da sua cor! Podemos brincar!
ELES DANÇAM (MÚSICA: O Pato- Toquinho) E COMEÇA A CHOVER E TODOS SAEM E VOLTAM COM SUA COR ORIGINAL (BORRIFAR ÁGUA NAS CRIANÇAS)
PORCO: Vocês estão coloridos!! A chuva tirou a tinta.
OVELHA: Só eu continuo rosa... Puxa que pena.
GALINHA: É mesmo, coitada.
SAPO: Mas gente, não há problemas. Podemos ser amigos assim mesmo. As pessoas não são todas iguais no mundo.
ENTRA DONA ROSA.
DONA ROSA: Puxa, eu vi tudo e nunca tinha pensado nisso.
SAPO: Isso mesmo, Dona Rosa. Veja como o mundo é muito mais colorido o que o deixa mais bonito.
GALINHA: Somos todos diferentes! Olhe um pato amarelo, um sapo verde e agora uma ovelha rosa.
DONA ROSA: Ora, ora vocês tem razão. Vocês são lindos das cores que são.
ENTRA JORGE
JORGE: Boa noite, Dona Rosa, eu ouvi tudo e vim aqui pra ser seu amigo também. Como você só gostava de rosa tinha medo de vir aqui.
DONA ROSA: Ora, Jorge, você é bem vindo. Fiz um bolo delicioso e todos podem comer.
MÚSICA: Bicharia- Chico Buarque

Além de atividades pontuais como essa, atitudes simples podem ajudar como não relacionar cores a gênero  rosa- menina; azul- menino. Tomar cuidado com apelidos pejorativos, as crianças mesmo bebês entendem! E lembrando sempre que para eu ensinar algo eu tenho de acreditar nisso...

 (FONTE: EDUCAÇÃO GERA EDUCAÇÃO)




LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin

Folheados