Curta a nossa página!

segunda-feira, 27 de julho de 2009

Teatro = Atividades recreativas = Como surgiu o dia dos pais? = dia dos pais.

Teatro para o dia dos pais
Paide Emílio Carlos
(As crianças entram. Cada criança faz uma fala. Outra opção é todas falarem juntas. Enquanto falam elas fazem gestos de mímica que ilustrem o que elas estão falando).
Quando eu era pequenino
Você me segurou
Com suas mãos grandes e fortes
Você me amparou
A luz forte do hospital
Eu abri os olhos meio assim
E naquela hora eu pude ver
Que você sorriu pra mim
Você me levou pra casa
Cuidou da mamãe e de mim
E no meio da madrugada
Vinha sempre olhar pra mim
Quando eu comecei a falar
Eu também te chamava
Dizia “pa” e depois “papa”Dizia papai e te abraçava
Quando eu comecei a andar
Segurava forte na sua mão
E me equilibrava meio sem jeito
Pra não cair no chão
Na hora em que eu me machucava
Era pra mamãe que eu corria
Mas na hora de fazer farra
Era você que eu queria
A gente já soltou pipa,Até andou de bicicleta
E se lembra de quando
Eu vesti sua cueca?
Brincou de cavalinho
Jogou bola de montão
E se lembra de quando
Fomos ao parque de diversão?
Nesse dia de alegriaTenho uma coisa a dizer:
Quando eu crescer
quero ser igual a você.
Fonte- Meus trabalhos pedagógicos.

Dia dos Pais - Você sabe como surgiu?
O Dia dos Pais surgiu nos Estados Unidos. A idéia foi da norte-americana Sonora Louise Smart Dodd. Ela teve essa idéia quando escutava um discurso no dia das Mães. Para homenagear seu pai, um militar que criou seu seis filhos sozinhos, logo após a morte de sua esposa em 1898, Sonora decidiu criar o Dia dos Pais. O primeiro Dia dos Pais nos EUA aconteceu então no dia 19 de Junho, dia do aniversário do pai de Sonora. Hoje, o Dia dos Pais é comemorado no terceiro domingo de Junho nos EUA.
O Dia dos Pais no Brasil foi implantado pelo publicitário Silvio Bhering. O primeiro Dia dos Pais aconteceu no dia 14 de agosto de 1953, mesmo dia de São Joaquim, patriarca da família. Atualmente, comemora-se a data no segundo domingo do mês de agosto.

Planejamento de atividades recreativas em comemoração ao Dia dos Pais.
Atividades Recreativas:
Os cumprimentos: O orientador começa – VAMOS NOS CUMPRIMENTAR? Cada um cumprimenta o outro, mas não é para se cumprimentar como inglês, apenas dando as mãos, vai aos como brasileiros, dando um grande abraço no amigo! Vamos viajar pelo mundo e nos cumprimentar de várias formas. Quem sabe como os Chineses se cumprimentam? E os Japoneses, é parecido?
Os pais vão se movimentando pelo espaço e se cumprimentam de acordo com o país visitado: RÚSSIA (beijos forte no rosto), ÍNDIA (flexão do tronco à frente com as mãos juntas à altura do peito, POLO NORTE E ALASKA (esfregando os narizes), HIPPIES (dedos em “V” – paz e amor), esportistas de basquetebol (batendo mãos ao alto e peito contra o peito do outro) e etc.
Percepção de pequenos e grandes detalhes: Separa-se o grupo em duplas, de preferência, pai e filho. Pede-se que se olhem da cabeça aos pés e depois se viram de costas um para o outro. Após isso cada um irá realizar uma mudança em sua aparência, mudança esta de pequena percepção, e depois de 30 segundos, a dupla de vira para a outra e tenta achar o que está diferente.
Depois desse momento, viram-se novamente e realizam uma mudança muito mais perceptiva, algo que qualquer um iria notar, e depois de 30 segundos viram-se para sua dupla e espera-se que descubram o que está de tão diferente na sua aparência.
Corridas dos números: Um grande círculo onde os pais e alunos são numerados de 1 a 5 (dependendo do espaço e número de participantes). O professor diz um número, por exemplo, 3, e todos os números três deverão correr por fora do círculo até chegar ao seu local de origem.
Corrida até o cone: esta atividade será da seguinte maneira – a turma de pais estará separada em duas equipes, colocadas cada uma no final da quadra, podendo ser também em cima da linha de fundo da quadra de voleibol. Cada integrante das equipes terão uma numeração específica e dão-se a outra equipe os mesmos números. Ao sinal do professor (que gritará um número), estes números deverão correr até o centro da quadra e tentar chegar primeiro encostando na bola, que estará sobre um cone!
Nancibol – dois grupos, com oito pais cada, estarão dispostos nas laterais da quadra:
Os pais, da posição de número 1, iniciarão a atividade segurando uma bola. Ao sinal do professor, passarão a bola ao colega de numero 2, que passará para o número 3, até chegar ao colega de número 8. Neste momento, todos os alunos trocaram de posições, ou seja, o número 1 vai para o lugar do número 2, que vai para o lugar do número 3, e assim sucessivamente, até o número 8. Ao receber a bola, este deverá se deslocar, quicando-a até a posição de número 1. A atividade termina quando todos voltarem às suas posições iniciais.
Conteste do equilíbrio – mesma formação anterior, só que dessa vez os primeiros de cada coluna irão correr com uma bola nas mãos e ao chegarem a um ponto determinado deverão colocar suavemente a bola equilibrada em cima do cone, sem que a mesma caia no chão. Quando deixar a bola no cone, deverá voltar e tocar na mão do próximo colega da sua coluna, e este irá fazer o contrário, onde irá buscar a bola e trazer para sua coluna, e assim por diante. Um leva e equilibra e o outro busca!
Conteste dos bambolês – duas colunas separadas uns 3 m, ao sinal do professor os primeiros de cada coluna deverão correr até um ponto determinado e se posicionarão dentro do bambolê, onde depois disso irão pegar o arco e passarão por cima do corpo, retirando e colocando-o no mesmo lugar.
Brincadeira: Coloca-se a turma em forma de coluna, quantas necessárias para realizar a atividade na mais perfeita ordem. Os alunos estarão sentados a uma distância de + ou – 1m do colega. Ao sinal do professor todos irão levantar de seus lugares e correrão na direção do colega posicionado atrás do mesmo. Ou seja, o primeiro correrá atrás do segundo, o segundo atrás do terceiro e assim por diante. O último da coluna fugirá de todos!
Leva e traz: Duas colunas, o primeiro de cada coluna dará a mão ao colega que estiver atrás. Ao sinal para iniciar a atividade, os dois deverão correr até um local, em frente à sua coluna, previamente determinado pelo professor. O primeiro pai fica neste local e o segundo volta para buscar o terceiro, e assim sucessivamente até o último aluno da coluna.
Guerrinha de papel: Os pais estarão separados em duas equipes, onde cada uma estará de cada lado da quadra. Os componentes desta brincadeira estarão munidos de uma bolinha de papel nas mãos, onde ao sinal do professor irão arremessar essas bolinhas para a quadra adversária, deixando-a com muitos papéis no chão. Mas por outro lado temos a outra equipe que também irá jogar para o outro lado, formando uma verdadeira guerrinha de papel. Vence a equipe de tiver menos papéis na sua quadra.
Circuito recreativo:
Acertar a cesta: Os pais estarão em coluna, o primeiro pai da coluna estará com uma bola. Quando o professor der o sinal, os pais farão arremessos, tentando fazer cestas. Todos os componentes têm que participar. Ao final do tempo, o responsável marca dez pontos para cada arremesso conseguido pelo grupo. Neste momento, este grupo vai para a estação nº. 2, para ouvir as explicações. O grupo que estará na estação nº. 2 vai para a 3, e assim sucessivamente, acontecendo o rodízio no circuito.
2ª estação – COGNITIVA.
Encontre o resultado: O responsável mostra para o grupo, em uma folha, números que representam as quatro operações matemáticas. Os pais terão que armar, e encontrar o resultado.
Cada resultado certo vale 50 pontos. O responsável já deve ter o resultado em uma outra folha de papel!
Ps. O grau de dificuldade dos cálculos deve corresponder, obviamente, ao nível de escolaridade dos pais.
3ª estação – MOTORA.
Assopre o algodão: deverão todos os componentes do grupo, assoprar o algodão, sem encostar com nenhuma parte do corpo e sem deixá-lo cair no chão!
O grupo já chega à estação com 30 pontos garantidos, mas cada vez que o algodão cair no chão ou encostar-se a qualquer parte do corpo de um dos componentes, o grupo perde 2 pontos!
4ª estação – MOTORA.
5ª estação – COGNITIVA.
Descubra as palavras: O responsável pela estação mostra uma folha para os alunos com palavras onde as letras estarão ordenadas de forma não-convencional. O grupo terá que identificar e escrever a palavra correta. Cada palavra descoberta vale 15 pontos!
VOLEIBOL CEGO: atividade recreativa que visa o aprendizado do voleibol através de uma grande brincadeira lúdica.
Será distribuído um número de pais para cada lado da quadra, de no máximo 8 a 10, e que deverão lançar a bola para o lado adversário, sendo que terá um plástico na rede impedindo a visão dos jogadores. A equipe poderá dar até 3 toques na bola, mas nunca o mesmo jogador de forma consecutiva.
Planejamento de atividades recreativas em comemoração ao Dia dos Pais.
Por:
Marcus Vinícius da Silva Nunes
CREF: 018180 – G/RJ
Meus trabalhos pedagógicos

Dia dos pais, como surgiu o dia dos pais, teatro dia dos pais, Atividades recreativas para o dia dos pais, propostas pedagógicas para o dia dos pais, Datas comemorativas.

Um comentário:

  1. mais dicas que bom
    bjs millllllllll
    no coração
    eu ja postei
    a ideia do saci q te falei bjs mil

    ResponderExcluir

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin

Folheados